Momento Odontologia - Usp

Informações:

Sinopsis

O Momento Odontologia leva informações sobre a saúde da boca e a preservação dos dentes, sempre fundamentadas no conhecimento científico produzido na Universidade de São Paulo.

Episodios

  • Momento Odontologia #99: Tratamento ortodôntico ainda na infância traz inúmeros benefícios

    07/06/2021 Duración: 05min

    Especialista afirma que o uso de aparelhos em crianças pode começar a partir dos 5 anos de idade e ajuda na correção de dentes tortos, más-oclusões e até na autoestima

  • Momento Odontologia #98: Reabilitação protética traz qualidade de vida aos pacientes que retiraram partes da face 

    31/05/2021 Duración: 07min

    Especialista explica as principais cirurgias feitas na face e como é a reabilitação do paciente

  • Momento Odontologia #97: Insatisfação com os resultados do tratamento é a principal queixa nas ações judiciais contra cirurgiões-dentistas

    24/05/2021 Duración: 09min

    Momento Odontologia aborda os processos contra cirurgiões-dentistas e a melhor forma de evitar problemas jurídicos entre profissionais e pacientes

  • Momento Odontologia #96: Consumo crônico de bebidas alcoólicas pode contribuir para o desenvolvimento do câncer de boca, alerta especialista

    17/05/2021 Duración: 07min

    Gengivite e doença periodontal são outras condições que podem surgir pelo consumo excessivo de álcool

  • Momento Odontologia #95: Odontologia pode ser importante aliada no combate à violência doméstica

    10/05/2021 Duración: 08min

    Especialista explica como o cirurgião-dentista pode ajudar as vítimas ao perceber sinais de violência doméstica durante um tratamento odontológico

  • Momento Odontologia #94: Envelhecimento dos dentes: causas e prevenção

    03/05/2021 Duración: 09min

    Especialista comenta a condição, que está cada vez mais presente em pessoas jovens

  • Momento Odontologia #93: Estética ou saúde? Saiba mais sobre as cirurgias na gengiva

    26/04/2021 Duración: 08min

    Especialista explica sobre os procedimentos feitos na cavidade oral e afirma que estética e saúde podem caminhar lado a lado

  • Momento Odontologia #92: Uso de enxaguatórios bucais no consultório odontológico reduz a quantidade de micro-organismos

    19/04/2021 Duración: 06min

    A orientação para esse uso faz parte do protocolo de diversas associações odontológicas e agências de saúde e ainda não há evidência para respaldar a recomendação de uso dos enxaguatórios para evitar a contaminação pelo novo coronavírus

  • Momento Odontologia #91: Proteção labial é importante aliado na prevenção ao câncer nos lábios

    12/04/2021 Duración: 06min

    Podcast Momento Odontologia discute os riscos à exposição ao sol sem proteção labial

  • Momento Odontologia #90: Entenda a relação entre odontologia e osteoporose

    05/04/2021 Duración: 10min

    A osteoporose é uma condição metabólica do osso e é caracterizada pela redução da renovação do metabolismo ósseo. Segundo a Associação Brasileira de Avaliação Óssea e Osteometabolismo (Abrasso), cerca de 10 milhões de pessoas têm a doença. Além disso, estima-se que 33% das mulheres brasileiras com mais de 50 anos têm a patologia. O osso é composto de um grupo de células, que são responsáveis por remover as células mais envelhecidas e renovar com mais jovens. Com isso, o osso mantém a sua qualidade de constituição. Quando a pessoa envelhece, essa renovação passa a ser mais lenta, e pode demorar cerca de dez anos para ocorrer.  Diagnóstico O diagnóstico da osteoporose é feito através da densitometria óssea, um exame que mede a densidade de osso. Além disso, exames de sangue podem avaliar a estrutura óssea do paciente, com substâncias presentes no osso, como cálcio, fósforo e fosfato. “Fatores como a idade e mulheres na menopausa são indicadores de osteoporose”, segundo o professor Paulo Sérgio da Silva Santos,

  • Momento Odontologia #89: Saúde bucal do brasileiro pode avançar com maior inserção da assistência odontológica na atenção básica à saúde

    22/03/2021 Duración: 10min

    Como todos sabem, uma boa saúde bucal é essencial para a saúde como um todo. Para evitar problemas de saúde dos mais simples até os mais graves, manter uma boa higiene bucal também é primordial.  E foi pensando nisso que a Federação Dentária Internacional (FDI) instituiu, em 2007, o Dia Mundial da Saúde Bucal, comemorado no dia 20 deste mês. No relatório final de conferência paralela a outro evento que criou o Sistema Único de Saúde (SUS), em 1988, ficou estabelecido que a saúde bucal é parte integrante da saúde geral do indivíduo e está diretamente relacionada às condições de alimentação, moradia, trabalho, renda, meio-ambiente, como também ao acesso aos serviços de saúde e à informação, sendo responsabilidade e dever do Estado a sua manutenção. Como anda a saúde bucal do brasileiro depois dessas iniciativas? Para responder a essa pergunta, o Momento Odontologia desta semana convidou a professora Ana Estela Haddad, da Faculdade de Odontologia (FO) da USP. Para a professora, temos o que comemorar no Dia Mundi

  • Momento Odontologia #88: Odontologia digital: entenda o que é, benefícios e como é feita 

    15/03/2021 Duración: 08min

    Os últimos anos estão marcados pela evolução da tecnologia, que fez com que milhões de atividades migrassem para o universo on-line. A internet chegou em todas as áreas e, como não poderia deixar de ser, na saúde também. E com a odontologia não poderia ser diferente. Seja para agilizar as consultas, planejar tratamentos, ou facilitar a comunicação entre profissional e paciente, uma coisa é fato: a era digital chegou aos consultórios odontológicos.  O Momento Odontologia desta semana recebe a professora Regina Maura Fernandes, da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (Forp) da USP, que explicou o conceito de odontologia como “a aplicação da tecnologia para otimizar os tratamentos odontológicos”. A modalidade reúne diversas ferramentas que possibilitam, entre outras coisas, agilizar as consultas clínicas e mecanizar a produção de próteses, por exemplo.  Benefícios da tecnologia “Um benefício importante é a facilidade na comunicação entre o profissional e o paciente”, destaca a professora. Além disso, as im

  • Momento Odontologia #87: Entenda a relação entre feridas na língua e a sífilis

    08/03/2021 Duración: 09min

    Muitos podem não saber, mas as feridas que aparecem na língua podem ser sinais de sífilis e, nesses casos, todo cuidado é pouco. Essas condições, que podem parecer simples no início, precisam ser cuidadas, para que não virem algo grave no futuro, pois podem levar, inclusive, à morte.  No Momento Odontologia desta semana, a professora Cássia Maria Fischer Rubira, da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da USP, conta que é mais comum aparecerem lesões como feridas, rachaduras, manchas e erupções na língua e, quando isso acontece, é importante que a pessoa procure um profissional da saúde, para que seja executado um exame clínico minucioso e determinar a possível causa dessa lesão.  A professora alerta que toda alteração do aspecto normal da língua é um motivo de preocupação. Segundo Cássia, a presença de lesões na língua é considerada um distúrbio em relação à saúde bucal e também pode refletir doenças sistêmicas, como a anemia. “Lesões localizadas na língua podem ser resultado de doenças de origem infeccios

  • Momento Odontologia #86: Saúde bucal na gravidez: mitos, verdades e cuidados

    01/03/2021 Duración: 06min

    A gravidez é um momento de muitas dúvidas por parte da gestante, tanto com ela quanto para o bebê. Cuidar da saúde em geral é fundamental para a mãe e para a criança, e a saúde bucal, especialmente, é muito importante neste momento.  Os cuidados com a saúde bucal da mulher grávida são os mesmos de qualquer pessoa, mas é preciso se atentar a algumas questões específicas. Quem garante é a professora Mariana Minatel Braga Fraga, da Faculdade de Odontologia (FO) da USP, convidada do programa Momento Odontologia desta semana. “É preciso focar no controle da higiene bucal, para evitar a cárie e a doença periodontal, doenças comuns durante a gestação, e,ainda, no controle da dieta”, explica a professora. Essas doenças são comuns na gravidez, porque as gestantes costumam se alimentar mais, principalmente alimentos doces. Mariana ainda alerta que “é importante cuidar para que isso não se exceda ao longo do dia”. Os dentes durante a gravidez É comum que os dentes da mulher sofram algumas alterações durante o período de

  • Momento Odontologia #85: Mau hálito pode ser sintoma de algo errado no organismo

    22/02/2021 Duración: 09min

    A sensação de estar com mau hálito, por si só, já causa uma apreensão enorme. Agora, já imaginou conviver com esse problema diariamente? Ter mau hálito pode ser bastante difícil para quem sofre com a condição, que tem nome e causas específicas: halitose.  Em entrevista ao programa Momento Odontologia desta semana, o professor Vinícius Pedrazzi, da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (Forp) da USP, explicou que “a halitose é um sinal de má higiene oral ou de algo errado no organismo”.  Causas do mau hálito O professor contou que antigamente acreditava-se que as maiores causas de halitose estavam relacionadas ao aparelho digestivo ou ao trato respiratório superior, mas que “hoje já se sabe que cerca 95% das causas são bucais”.  Entre as principais causas estão a saburra lingual, que é o biofilme que fica no dorso da língua; a doença periodontal; alimentos em decomposição entre os dentes; causas sistêmicas, como sinusite, problemas nas vias respiratórias ou até mesmo refluxo.  “Mas a maior parte das causa

  • Momento Odontologia #84: Entenda o que é o abscesso dentário: causas, sintomas e tratamento

    15/02/2021 Duración: 05min

    Você conhece o abscesso dentário? A condição, provocada por uma bactéria, pode prejudicar crianças e adultos e levar à necessidade de cirurgia plástica, e até mesmo à morte, se não tratada de forma correta.  O programa Momento Odontologia desta semana conversou com Marco Antônio Húngaro Duarte, professor da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB) da USP. O professor explicou que “o abscesso dentário é uma inflamação no ápice do dente, caracterizada pela formação de pus”.  Sintomas do abscesso dentário Os sintomas do abscesso dentário ocorrem em três fases. A primeira, a fase inicial, é quando ele está em volta da raiz do dente. Na segunda fase, chamada de fase intraóssea, o paciente apresenta inchaço no rosto. Já a terceira fase é quando o abscesso rompe o osso e chega na região submucosa, continuando o inchaço no rosto, porém, flutuante. Prevenção e tratamento  Segundo o professor, a “prevenção do abscesso dentário é feita, primeiro, como a prevenção da cárie”, para evitar que o tecido dentário se modifique

  • Momento Odontologia #83: Odontologia hospitalar traz qualidade de vida para pacientes internados

    08/02/2021 Duración: 09min

    A chamada odontologia hospitalar, como o próprio nome diz, é a prática odontológica dentro do âmbito hospitalar, seja ele um hospital ou uma clínica, como as de oncologia, por exemplo. E ela pode aparecer em diversas situações no nosso cotidiano, como explica a professora Karem Lopes Ortega, da Faculdade de Odontologia (FO) da USP, no podcast Momento Odontologia desta semana.  “A prática da odontologia hospitalar pode ser feita em pacientes com problemas comportamentais ou graves de saúde, que não podem ser atendidos em consultórios odontológicos convencionais, ou que possam precisar de algum outro auxílio mais urgente”, explica a professora.  Odontologia hospitalar em UTI Pacientes em UTI ou CTI, que apresentem quadros de urgência odontológica ou pessoas que se envolveram em graves acidentes físicos ou que apresentam uma infecção bucal, também podem receber o auxílio de um cirurgião-dentista dentro do hospital.  A professora ressalta que o atendimento ou o tratamento odontológico pode ser feito em qualquer a

  • Momento Odontologia #82: Causas e consequências de dentes a mais e a menos em crianças e adultos

    01/02/2021 Duración: 06min

    O podcast Momento Odontologia desta semana trata de dois assuntos que precisam de uma atenção especial, principalmente por parte dos pais: a agenesia, que é a ausência de um ou mais dentes na boca, e os supranumerários, que, ao contrário, são os dentes a mais na cavidade bucal.  Dentes a mais na boca Segundo conta Fabrício Kitazono de Carvalho, professor do Departamento de Clínica Infantil da Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (Forp) da USP, entre os sinais que os pais podem perceber, para as duas situações, estão a demora para os dentes permanentes aparecerem na boca da criança ou então quando um dente permanente de um lado da cavidade bucal já nasceu e o mesmo dente do outro lado ainda não.  O professor ainda conta que o local mais comum de surgir um dente a mais é entre os nossos incisivos, os chamados “dentes da frente”. Mas Carvalho ressalta que isso “poderá causar problemas de espaço nas arcadas e um mau posicionamento dos dentes na boca como um todo, com uma desarmonia facial”. Outros problemas

  • Momento Odontologia #81: Estresse e medo causados pela pandemia podem acentuar problemas bucais

    14/12/2020 Duración: 05min

    A pandemia de covid-19 nos impôs uma série de restrições e medidas preventivas contra a doença. Mas além de se cuidar contra o vírus, manter uma boa higiene bucal também se tornou uma tarefa essencial. É que a covid-19 pode ter relação com doenças bucais, como explicou a professora Marinella Holzhausen Caldeira, da Faculdade de Odontologia (FO) da USP, no programa Momento Odontologia desta semana.  Segundo Marinella, “a cavidade bucal e a superfície da língua são importantes reservatórios para o novo coronavírus”, o que torna a higiene bucal ainda mais necessária para pacientes saudáveis ou com covid-19, para, pelo menos, “diminuir a carga viral, a quantidade de vírus presente na boca”.  Entre os principais problemas bucais que podem aparecer por conta da pandemia de covid-19 estão a cárie dental, a doença periodontal e a perda de dentes. Estes problemas estão ligados a alguns fatores, como o estresse, o medo e a preocupação com a saúde.  As mudanças de rotina, as alterações nos padrões de sono, higiene e ali

  • Momento Odontologia #80: Cuidar da higiene bucal pode evitar doenças cardiovasculares

    07/12/2020 Duración: 06min

    É comum ouvir que higienizar corretamente os dentes, usar fio dental e ter uma alimentação saudável podem evitar doenças bucais. Mas, além disso, ter uma boa higiene bucal pode prevenir, também, doenças em outras partes do corpo, inclusive, cardiovasculares.  “As infecções bucais podem, sim, levar a outras doenças distantes da cavidade bucal”, afirma Adriana Sant’Anna, professora da Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB), ao programa Momento Odontologia desta semana. Entre os problemas citados pela professora estão doenças cardiovasculares, o nascimento de bebês prematuros e de baixo peso e a diabete. Além disso, ela destaca as doenças pulmonares obstrutivas crônicas e até o Alzheimer.  Segundo a professora, “existem dois mecanismos pelos quais a doença periodontal pode se relacionar com as doenças sistêmicas”. Um deles é através da migração de bactérias, da boca para outras partes do corpo, onde se instalam, e dão início a uma lesão. A outra forma é quando essas bactérias presentes na boca geram um potencia

página 1 de 2